Portes grátis para encomendas superiores a 80€
  Blog

O outro lado da marca StoRin

Escrito em 05 de fev. de 2021

Dizem que uma marca para crescer nas redes sociais deve produzir conteúdo. Bom conteúdo. 

Eu não tenho muito para vos dar a esse nível, a não ser as peças que criamos cheias de amor, cada uma personalizada individualmente para vocês. Nenhuma peça é exactamente igual à outra, e tirando aquelas que fazemos em épocas festivas, raramente repetimos designs - o que não é muito inteligente da nossa parte porque requer trabalho, mas é muito mais especial assim para vocês, e isso tem sido sempre o ponto mais importante para nós - aquilo que vocês sentem quando vêem a vossa peça. Mas, isso faz com que o nosso Instagram seja apenas uma montra de peças bonitas e especiais, mas uma montra.

Quero trazer-vos conteúdo que vos faça voltar sempre, e não só quando precisam de um presente para alguém. Por isso, decidi começar a escrever - que é uma das coisas que gosto de fazer. Basicamente, tenho uma alma criativa e gosto de tudo o que implique usar a imaginação.


Vou começar por me apresentar e vamos seguir por aí. Não tenho grandes aspirações porque já tive blogs antes e apesar de adorar escrever, nunca sobeja tempo para o fazer e acabo por desistir. Acho que quero praticar mais a organização de conteúdo e o blog pode ser também uma forma de o fazer. Além disso, a partilha é boa porque nos faz baixar a guarda, faz-nos deixar de ser cliente/vendedor e torna-nos pessoa/pessoa. É importante conhecerem o outro lado das marcas pequenas. Torna-nos mais humanos. Criam-se relações pessoais. Tenho clientes com quem falo regularmente e com quem partilho ideias, dúvidas, problemas pessoais. Tenho clientes que se tornaram da casa, outras que se tornaram bastante próximas. 

  • Espero falar-vos de nós, enquanto família, e recuperar alguns textos criados num blog anterior muito sincero. 
  • Espero mostrar-vos peças nossas que me apaixonam e cantinhos que me inspiram. Coisas que achei que iriam ter muito sucesso e que afinal não tiveram ou eu não soube como explora-las.
  • Espero trazer-vos o "meu mundo" porque eu não sou deste. É uma frase recorrente na minha cabeça e no meu dia a dia. Eu não sou deste mundo, porque tenho dificuldade em identificar-me com a maioria das pessoas - mas sobre isto falarei noutra altura.
  • Espero mostrar-vos coisas boas que leio ou vejo. Adoro ler mas não me fico pelos romances. Gosto de aprender, de explorar, de conhecer coisas novas.
  • Espero aprender com vocês. Partilhar. Eu estou a dar-vos uma parte de mim - o que para mim já é óptimo porque adoro fazê-lo - mas espero aprender com as vossas opiniões, sugestões.
  • Espero escrever-vos uma vez por semana.



Criar expectativas é bom - li hoje num livro - e é importante mantê-las elevadas.

Eu sempre achei que as minhas eram altas demais e saíam sempre defraudadas.




Vamos ver como corre esta nova experiência, porque vou roubar horas ao sono para tentar conseguir concretiza-la.

E vocês, ficam comigo desse lado?



Aquele beijo,
Ana


×